Dificuldade Financeira Empresarial

Dificuldade Financeira Empresarial

Planejamento Financeiro

O objetivo deste plano é restabelecer a saúde financeira da empresa a fim de garantir a integridade e sustentabilidade dos negócios perante o mercado suportado pelo Planejamento Financeiro.

Planejamento financeiro é um processo racional (que exige frieza e humildade) de administrar sua renda, seus investimentos, suas despesas, seu patrimônio, suas dívidas, objetivando tornar realidade seus sonhos, desejos e objetivos, tais como: casa própria, poupar para a educação dos filhos, fazer a viagem dos sonhos, investir de acordo com o perfil pessoal, ser bem sucedido na carreira profissional, reduzir impostos, tornar-se empresário, aposentar-se confortavelmente, planejar e administrar testamento, partilha, …

A maioria dos empresários trata de suas finanças “procurando gastar menos do que fatura” . Este é apenas um dos aspectos do planejamento.

É necessário, entre outros aspectos, estabelecer objetivos senão o empresário age como um barco sem rumo.

A empresa tem várias fases, cada uma das quais apresenta seus desafios. Através do planejamento financeiro é possível identificar as oportunidades e dificuldades de cada uma, e definir, antecipadamente, estratégias para enfrentar cada situação. Sem o devido planejamento financeiro, a empresa entra na fase de “apagar incêndios” o que torna a situação financeira e ambiental extremamente difícil e desmotivadora.

O gerenciamento adequado das finanças é o diferencial entre sonhadores e realizadores.

Eventos que podem originar a necessidade do planejamento financeiro:

  • Amparo a parentes ou carentes
  • Compra ou venda de negócios de família
  • Crise financeira
  • Herança ou repartição de bens
  • Mudanças na carreira profissional
  • Planejamento para filhos ( nascimento, adoção, educação )
  • Planejamento para aposentadoria
  • Preparação para casamento, separação
  • Recebimento de grande soma de dinheiro ou inesperada queda financeira

 

Saiba mais:

Dificuldade Financeira Empresarial

Principais ações a ser realizada na empresa:

Separar as receitas e despesas das pessoas jurídicas (PJ/Sócios) e pessoas físicas (PF)
Pessoa Física (sócios)
• Terão uma retirada financeira mensal a fim de garantir o pagamento de suas despesas a nível pessoal.
• O controle das receitas e despesas deverá ser realizado pelas pessoas físicas.
• Todas as despesas pessoais deverão ser subtraídas das retiradas mensais.
Pessoa Jurídica
• Ajustar as despesas da empresa ao faturamento.
• Cobrir os limites bancários das contas correntes.
• Dar prioridade ao pagamento das parcelas dos empréstimos bancários, salários e retiradas.
• Criar um fundo de risco (reserva financeira) a fim de utilizá-lo em caso de 13º salário e imprevistos.
Empresa
• Reforçar a venda de todos os serviços oferecidos pela empresa.
• Revisar o quadro de funcionários objetivando a melhoria dos resultados.
• Estabelecer metas e resultados a todos os serviços
Aquisição de Bens Móveis e Imóveis (PF ou PJ)
• Após a apuração do resultado mensal (Lucro/Prejuízo) da empresa, deve-se definir a utilização do mesmo, assim temos 3 opções para cada situação:
Se Lucro
1 – Dividir 100% do lucro apurado para os sócios.
2 – Definir valor a ser distribuído aos sócios e o restante aplicar na empresa.
3 – Aplicar 100% do lucro apurado na empresa.
Se Prejuízo
1 – Utilizar fundo de reserva para “cobrir” eventuais despesas da empresa e/ou retirada dos sócios.
2 – Executar plano de contenção de despesas e aumento das receitas.
3 – Analisar despesas da empresa a fim de identificar os “imprevistos” financeiros que geraram o déficit.
Parcerias
A parceria segue a metodologia “ganha-ganha”, ou seja, os dois lados devem se beneficiar da junção das empresas. Quando somente um lado da parceria ganha, deve-se rever imediatamente essa coligação. O item custo – beneficio deve ser analisado, pois nem sempre as empresas ganham nas mesmas proporções. As parcerias com empresas “parasitas” deve ser eliminada o mais rápido a fim de eliminar perdas e desperdícios de tempo e dinheiro. Numa boa parceria, obrigatoriamente os 2 lados sempre devem ter benefícios.

Dificuldade Financeira Empresarial

 

CONCEITOS ERRADOS SOBRE PLANEJAMENTO FINANCEIRO:

Dificuldade Financeira Empresarial

1- Esperar momentos de crise para tomar a iniciativa de fazer o Planejamento Financeiro;
2- Não estabelecer objetivos financeiros mensuráveis;
3- Tomar uma decisão financeira sem entender seus efeitos em sua situação financeira global;
4- Confundir Planejamento Financeiro com Investimentos;
5- Ter certa aversão quanto a reavaliações periódicas em seu Planejamento Financeiro;
6- Pensar que Planejamento Financeiro é somente para quem possui muito dinheiro;
7- Pensar que Planejamento Financeiro é para quando ficarem velhos;
8- Pensar que Planejamento Financeiro é a mesma coisa que planejamento para aposentadoria;
9- Esperar retornos irreais para seus investimentos;
10- Pensar que utilizar os serviços de um Consultor Financeiro, significa perder o controle de suas finanças pessoais;
11- Acreditar que Planejamento Financeiro é Planejamento Tributário

A empresa têm que “sobreviver” financeiramente com seu faturamento, outros tipos de “empréstimos” não deverá ser utilizado pelo “altíssimo custo” que oneram a empresa. O faturamento é a base principal e constante da sobrevivência financeira da empresa, em algumas situações muito esporádicas, a procura de recursos extras em bancos ou no mercado pode ser utilizada desde que seja compreendido como exceção e não regra para a manutenção da empresa.

A separação das receitas e despesas da pessoa física com relação a pessoa jurídica resultará numa limitação do poder aquisitivo da pessoa física sendo que a pessoa jurídica será beneficiada e poderá planejar a administração do seu lucro/prejuizo.

O fato gerador da riqueza é a empresa que tem prioridade absoluta sobre qualquer capital disponível na pessoa física ou jurídica.

O patrimônio pessoal, somente tem sua devida importância quando há liquidez e quitação neste patrimônio e bem administrado (investido), senão torna-se apenas um fator temporário para garantias de “apagar incêndios” financeiros.

O planejamento das finanças não visa apenas o sucesso financeiro, ele é relevante para o sucesso pessoal e profissional. O planejamento será o seu mapa de navegação. Mostrará onde está, onde quer chegar e indicará os caminhos a percorrer.


Dificuldade Financeira Empresarial e planejamento financeiro é um processo racional

Check List de Fechamento Contábil

Check List de Fechamento Contábil

Check List de Fechamento Contábil, Fiscal

 

Check List de Fechamento Contábil, Fiscal, Departamento Pessoal e demais áreas: Realize com maior comodidade o seu fechamento mensal/ anual, tenha o controle absoluto e acompanhe cada operação de encerramento das atividades de controle e monitoramento nas seguintes áreas:

A planilha é totalmente fácil de manusear, editável com formulas automáticas que facilitam o seu acompanhamento de fechamento mensal/ anual de forma ordenada, sequencial e cronológica podendo ser adaptado também para controlar as demais áreas no seu próprio modelo de negócio independentemente do segmento, ramo de atividade (Industria/ Comércio e Serviços) seja pequena, média ou grande empresa.

GESTÃO FINANCEIRA MENSAL/ TRIMESTRAL/ SEMESTRAL E ANUAL:

a) Contabilidade;
b) Departamento Fiscal;
c) Departamento pessoal.

FÁCIL ADAPTAÇÃO PARA EMPRESAS NO SEGMENTO:

a) indústria
b) Comércio; e
c) Serviços.


Check List de Fechamento Contábil, Fiscal

Saiba mais:

Contador Independente:

Daniel Oliveira é bacharel em contabilidade Pós Graduado em Controladoria e Gestão e MBA International Accounting pela fundação Comércio Álvares Penteado (FECAP), sendo o primeiro e único profissional “contador” também conhecido por seus clientes como “The Only One”, ou seja: o único profissional certificado pelo Conselho Regional de Contabilidade (Contador) que possui seis (6) certificações de especialização profissional e participação no programa de incentivo Google Partner Brasil capaz de alavancar receita (Vendas) de modo planejado.

Diferencial:

Daniel Oliveira possui amplo conhecimento e habilidades em consultoria e gestão e implantação de sistemas eletrônicos como ERP’s para pequenas, médias e grandes empresas aplicando metodologia de controle, planejamento, execução e revisão e adoção orçamentária, para promover e incentivar a cultura organizacional contínua apoiando crescimento organizacional através de seus conhecimentos para expansão de vendas, redução de custos e despesas e maximização da lucratividade isso graças a sua certificação de contador aliada as estratégias de certificação Google Partner.

 

Check List Gestão Financeira:


Check List Gestão Tributária:


Combo Check List Gestão Tributária: